-->

Google+ Badge

13 de out de 2010

Relatório sobre as Eleições 2010

RELATÓRIO ELEIÇÕES 2010 – PRP/RS

1.     CONSIDERAÇÕES INICIAIS
O PRP/RS foi registrado no TRE-RS no dia 29 de setembro de 2009, teve, portanto, 6 dias para filiar e habilitar pessoas para concorrerem nas eleições de 2010.
Para dar credibilidade e projetar a sigla - PRP - no Rio Grande do Sul, buscou-se fortalecê-la com um quadro de qualidade, incluindo militares, policiais e profissionais liberais, e concorrer nos pleitos majoritários e proporcionais.

2.       ELEIÇÕES 2010.
Majoritária
(1) Coligação
- Foi realizada a coligação, na Majoritária, com o Partido Trabalhista Cristão –

(2) Nominata
- Governador do Estado: Aroldo Medina – PRP
- Vice Governador: João Rodrigues – PTC
- Senador: Roberto Gross – PTC
- Suplente de Senador 1: Rúbia Lara - PTC
- Suplente de Senador 2: Ademir Rodrigues – PTC

(3) Resultados – Governo do Estado

 (4) Considerações
- A participação do PRP com a candidatura a Governador do Estado possibilitou a difusão da sigla no Rio Grande do Sul.
- O candidato Aroldo Medina representou condignamente o Partido firmando uma imagem de credibilidade e posição política.

 Proporcionais
 (1) Câmara dos Deputados
     - O PRP/RS concorreu com um candidato único, que nas eleições de 2006 obteve 14.402 votos, pelo PSDB, quando obteve a 82ª. posição e 0.22% dos votos válidos.
     - Em 2010, obteve 7.319 votos e a 78ª. colocação entre 269 candidatos, com o percentual de 0,12% dos votos válidos.

(1.2) Resultados
     - Concorreram à Câmara dos Deputados 269 candidatos

     - Legenda PRP: 2.493 votos

     - Total de votos para Deputado Federal: 9.812 votos o que representa 0.17% dos votos válidos.

 (2) Assembléia Legislativa
     - O PRP/RS concorreu com 4 (quatro) candidatos, todos na sua primeira candidatura.

(2.1) Resultados
- Concorreram à Assembléia Legislativa 542 candidatos

- Legenda PRP: 5.765 votos.

- Total de votos para Deputado Estadual: 10.586 votos o que representa 0.17 % dos votos válidos.

(2.2) Considerações
- Os candidatos General Boabaid e Barth Moreira têm seu domicílio na Região Central do RS – Santa Maria, e os candidatos Marta Hepp e sargento Ariel na capital – Porto Alegre.
- Os votos da legenda foram consideráveis. Dentre todos os partidos colocou-se na 14ª. posição.

3       CONCLUSÕES
- O Partido Republicano Progressista do Rio Grande do Sul - PRP/RS - apesar da recente formalização concorreu ao Governo do Estado apresentando-se à sociedade gaúcha como uma nova opção política.
- Os resultados, independente do número de votos, são significativos em razão da projeção do PRP no contexto político-partidário gaúcho, ocasionando o aumento de simpatizantes e a melhor possibilidade de difusão no Estado.
- A campanha foi conduzida de forma integrada. O material de divulgação (“santinhos”, banners e folders) foi confeccionado com a foto e o número dos candidatos a governador, deputado federal e do deputado estadual; e outras vezes, com todos os candidatos do Partido, mostrando uma unidade e solidariedade partidária; razão do equilíbrio de votos das candidaturas majoritária, deputado federal e deputado estadual, em torno de 0.17% dos votos válidos.
- Ao término da campanha o PRP/RS sai fortalecido. Esperamos a curto espaço de tempo mobilizar uma considerável massa para as fileiras do PRP/RS. Novas metas já estão sendo traçadas para as eleições de 2012, quando concorreremos aos cargos de prefeito e vereador, estabelecendo uma base político-partidária no Estado.


Porto Alegre, 6 de outubro de 2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário